APCEF/PB cumpre papel histórico, ao longo dos anos, em meio ao movimento associativo. Essa trajetória de luta e compromisso com os associados é traduzida por ações concretas, que transcendem a promoção de atividades destinadas ao lazer e entretenimento.

 

A Associação desempenha papel relevante nas campanhas salariais e em todas as batalhas travadas envolvendo o movimento dos empregados. Vislumbra sempre o bem-estar e melhor qualidade de vida dos empregados da Caixa, motivo pelo qual busca, sistematicamente, a consolidação de avanço nas relações e condições de trabalho implantadas no âmbito da Caixa.


A Associação completou meio século, em julho de 2007, com muito a comemorar. São conquistas resultantes do espírito empreendedor de cada empregado da Caixa, que também soube lutar pelo patrimônio físico que hoje usufruímos, com zelo e responsabilidade. A sede social do Altiplano é, sem sombra de dúvida, um orgulho para aqueles que fazem essa associação.

 

A atual gestão reitera os compromissos firmados ao assumir o comando desse órgão, em 2014. Não foram poupados esforços para atender aos anseios de associados e dependentes, que diariamente buscam algum tipo de serviço, ou lazer, no clube e escritório.

 

A diretoria tem consciência do muito a fazer, dadas às limitações existentes, sobretudo financeiras. Mas, uma certeza renova ânimos e esperanças: trabalhamos com transparência, honestidade e determinação. São por essas e várias outras razões que a trajetória da APCEF/PB, ao longo de mais de 50 anos, é memorável, e cada associado cumprirá papel relevante na história a ser escrita de hoje em diante.

Fundação

 

APCEF/PB (Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal na Paraíba) foi fundada em 1957, a partir da determinação e desprendimento de um grupo de empregados. Os primeiros passos foram trilhados em uma manhã de 13 de julho, na sala de sessões da então agência Gama e Melo, em João Pessoa.

 

Na ocasião, foi eleita uma diretoria provisória, presidida por Haroldo Lucena, funcionário da Caixa aposentado. Uma comissão recebeu a incumbência de elaborar as normas que iriam reger a entidade.


Nesse primeiro momento, o órgão ganhou a seguinte sigla: ASCEFEP (Associação dos Servidores da Caixa Econômica Federal). Uma semana depois, os sócios novamente reuniram-se, no mesmo local, para eleger os dirigentes que iriam comandar a Associação por um período de dois anos.
A diretoria eleita era composta pelos seguintes empregados: José Romero Rangel, presidente; Geraldo Pessoa de Souza, vice-presidente; Severino do Ramo Leal de Carvalho, primeiro secretário; Hugo Camboim Câmara, segundo secretário; Eugênio de Souza Lemos, tesoureiro; Abelardo de Albuquerque, segundo tesoureiro; e Massilon Galdino de Macedo, orador. Para o Conselho Fiscal, foram escolhidos Manoel Sabino Filho; Cláudio de Paiva Leite e Haroldo Lucena. Na suplência, estavam: Marcos Tenaro de Carvalho, Hordeval Cavalcanti de Farias e José Lima da Fonseca.

 

Contrução da Sede

 

A sede própria começou a ganhar os primeiros contornos em 1970, quando a Caixa concedeu financiamento para a construção do prédio, vizinho à agência Gama e Melo. O projeto de edificação foi assinado por Haroldo Lucena. A Caixa se encarregou de fiscalizar a obra.


A Associação funcionou, por anos a fio, no Centro de João Pessoa. Depois, a Caixa doou outros dois terrenos para a entidade: um no bairro do Bessa e outro no Altiplano, onde a atual sede foi lapidada no final da década de 70.


A escolha do local foi motivo de controvérsias entre alguns empregados. A realização de uma consulta pôs fim à polêmica, e a obra foi então concluída e inaugurada, em 1978, durante evento festivo bastante prestigiado. Na época, a Associação era presidida por Fernando Holanda.

1º - Haroldo Coutinho de Lucena

2º - José Romero Rangel

3º - Paulo Melo do Nascimento

4º - Hugo Camboim

5º - Cláudio de Paiva Leite

6º - Raimundo de Paiva Onofre

7º - Milton Ferraz

8º - Benjamim Lins Rabelo

9º - Álvaro de Vasconcelos Leite

10º - Nicácio Pereira da Silva

11º - Fernando Cardoso Holanda

12º - Carlos Roberto Leite Guedes

13º - Antônio Ramalho Rosas

14º - Ivan Costa Dativo

15º - Maria Aparecida Diniz

16º - Ana da Costa Bandeira

17º - Marcos Fernandes de Lucena

18º - João Severo Neto

19º - Sérgio de Morais Meira


20º Presidente (Atual)

Carlos Alberto Ferreira Espínola